Papa e líder anglicano concordam em estreitar relações

O Vaticano informou neste sábado que o papa e o arcebispo de Canterbury concordaram em pressionar por relações mais estreitas entre católicos e anglicanos, apesar do recente convite do Vaticano para anglicanos descontentes se tornarem católicos.

AE, Agencia Estado

21 Novembro 2009 | 13h45

O encontro neste sábado entre o Papa Bento XVI e o Arcebispo Rowan Williams foi o primeiro desde que o Vaticano anunciou que estava tornando mais fácil para que anglicanos irritados com a ordenação de bispos homossexuais e mulheres se tornassem católicos.

Um breve comunicado do Vaticano afirmou que as discussões foram "cordiais" e "se concentraram nos eventos recentes entre a Igreja Católica e a Comunhão Anglicana". Segundo a nota, o encontro reiterou "a vontade compartilhada" de caminhar para relações mais próximas. As informações são da Associated Press.

Mais conteúdo sobre:
Papa arcebispo

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.