Parlamento japonês aprova envio de tropas ao Iraque

O Parlamento japonês aprovou decisão que autoriza o envio de forças para ajudar na reconstrução do Iraque, a despeito das manobras de obstrução por parte dos oposicionistas. A votação representa uma grande vitória para o primeiro-ministro Junichiro Koizumi, que defendeu veementemente o envio de forças de paz ao exterior e uma ampliação do papel do Japão nos assuntos internacionais. A oposição criticou o projeto, dizendo que missões militares, mesmo de paz, poderiam violar a constituição japonesa e põem as tropas do país na linha de fogo.

Agencia Estado,

25 Julho 2003 | 14h00

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.