Mohammed Ameen/Reuters
Mohammed Ameen/Reuters

Piloto 'surta' em voo e tem de ser contido por passageiros

Piloto da empresa JetBlue teria gritado 'bomba' durante voo que ia de Nova York a Las Vegas; um piloto de folga pousou o avião

BBC Brasil, BBC

28 Março 2012 | 09h30

NOVA YORK - O comandante de um avião da empresa Jet Blue teve de ser contido por passageiros, que chegaram até a sentar em cima dele, após ter tido uma aparente crise histérica em um voo que ia de Nova York a Las Vegas, nos Estados Unidos.

Ele aparentava estar descontrolado, segundo relatos, e chegou a gritar ''bomba''.

Por sorte, um piloto que estava de folga e que viajava no voo 191, foi capaz de auxiliar no pouso de emergência que teve de ser realizado na cidade de Armadillo, no Estado americano do Texas.

A aeronave contava com 135 passageiros. De acordo com relatos, o comandante fazia comentários aparentemente sem sentido sobre o Iraque, o Irã e o Afeganistão.

A polícia e o FBI foram convocados ao local e o comandante foi retirado do avião, amarrado a um assento. Em seguida, ele recebeu atendimento médico.

 

BBC Brasil - Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização por escrito da BBC.

Mais conteúdo sobre:
passageiro voo capitão aeronave surto

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.