Presidente da Nicarágua quer mandar tropas ao Iraque

O presidente Enrique Bolaños pediu que a Assembléia Nacional nicaragüense aprove o envio de 230 soldados ao Iraque, para prestar serviços médicos e desarmar minas. A Nicarágua pretende enviar dois grupos de 115 homens cada. Segundo a mensagem de Bolaños, chegou a hora de a Nicarágua ?corresponder à abundante solidariedade recebida?. O presidente afirma que os sapadores - soldados especializados em escavar trincheiras e remover minas - nicaragüenses são ?os mais experientes do mundo?. Os sapadores da Nicarágua já desativaram 83.392 minas, de um total de 135.643 espalhadas pelo extinto exército sandinista, na década de 80.

Agencia Estado,

07 Julho 2003 | 17h06

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.