EFE
EFE

Presidente do Egito nega indicação de ElBaradei

Adly Mansour voltou atrás em anúncio feito de que Mohamed ElBaradei, líder da oposição ao recentemente deposto Mohammed Morsi, teria sido nomeado primeiro-ministro interino do país

Associated Press; Gabriela Mello - Agência Estado,

06 Julho 2013 | 10h34

CAIRO - O novo presidente do Egito, Adly Mansour, voltou atrás em um anúncio feito mais cedo de que Mohamed ElBaradei, líder da oposição ao recentemente deposto Mohammed Morsi, teria sido nomeado neste sábado primeiro-ministro interino do país.

Ahmed el-Musilamani, porta-voz de Mansour, afirmou a repórteres que as consultas estão em andamento e negou que a indicação de El Baradei, vencedor do Prêmio Nobel da Paz, ao cargo estivesse certa.

Contudo, jornalistas reunidos no palácio presidencial foram levados para uma sala em que foram informados por uma autoridade a esperar pelo presidente que chegaria em breve para anunciar a nomeação de ElBaradei.

Autoridade sênior da oposição, Munir Fakhry Abdelnur disse à Associated Press que a reviravolta deve-se ao fato de que o partido ultraconservador Salafi el-Nour se opôs à indicação de ElBaradei e as discussões estavam em andamento.

TV Estadão: Jornalistas do Estado debatem crise no Egito:

 

Mais conteúdo sobre:
primavera árabe Egito. Mohamed mursi

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.