1. Usuário
Assine o Estadão
assine


Procurador quer os melhores investigadores em Ferguson

Estadão Conteúdo

20 Agosto 2014 | 19h 12

O procurador-geral norte-americano Eric Holder disse a líderes da comunidade de St. Louis, em Ferguson, que ele chamou os "mais experientes agentes e procuradores" do governo federal para investigarem a morte de um jovem negro de 18 anos, atingido por um tiro disparado por um policial branco.

Como parte da viagem que inclui uma visita a Ferguson, Holder se encontrou com mais de 50 membros da comunidade da cidade em um câmpus da universidade comunitária de St. Louis nesta quarta-feira. Ele afirmou que os procuradores serão agressivos nas investigações dos fatos por trás da morte do garoto Michael Brown.

"A mudança está vindo", disse o procurador para um grupo de estudantes. Holder deve se encontrar com o FBI e outras autoridades responsáveis pela investigação. Ele chegou a St. Louis com várias autoridades do Departamento de Justiça, incluindo membros da divisão de Direitos Civis.

Um grande júri local deve começar a estudar as evidências ainda nesta quarta-feira. Cerca de 20 manifestantes se reuniram do lado de fora do prédio onde o grande júri começaria a audiência para determinar se vai responsabilizar o policial autor do disparo. Os participantes do ato se reuniam em círculo para rezar, cantavam e seguravam placas pedindo que o procurador Bob McCulloch renuncie ao cargo. O caso já havia motivado uma série de protestos durante os últimos dias. Fonte: Associated Press.