1. Usuário
Assine o Estadão
assine


Putin: referendo da Crimeia é legítimo

EDGAR MACIEL, COM INFORMAÇÕES DA ASSOCIATED PRESS - Agência Estado

18 Março 2014 | 08h 56

O presidente da Rússia, Vladimir Putin, reconheceu há pouco que o referendo da Crimeia foi legítimo e defendeu a anexação do atual território ucraniano ao país. Segundo Putin, a etnia russa foi abusada ao longo dos últimos anos pelo governo da Ucrânia.

Em um discurso no Parlamento russo, Putin afirmou que o referendo respeitou as leis internacionais. O presidente negou as acusações de invasão ao território crimeniano e reafirmou que respeita a integridade territorial da Ucrânia. "Nós não queremos dividir a Ucrânia, mas a Crimeia pertence à Rússia".

Vladimir Putin citou como exemplo o processo de independência de Kosovo, que foi apoiada pelos países do Ocidente. Ele ressaltou que a cessão da Crimeia na Ucrânia repete o mesmo processo de divisão da União Soviética em 1991.