Refém turco foge do cativeiro no Iraque

Abdurrahman Yildirim, um soldador turco de 21 anos seqüestrado no Iraque e ameaçado de morte se sua companhia não se retirasse do país, escapou do cativeiro, informaram familiares do refém nesta sexta-feira. Sua mãe, Fatma, contou que o filho fugiu quando um dos seqüestradores deixou aberta a porta de onde ele estava sendo mantido preso. Ele então foi até um mercado e contactou a polícia. Yildirim, que foi capturado na semana passada, entrou em contato com sua família na quarta-feira para dizer que havia fugido e estava livre, disse seu tio Mehmet Balli. Um oficial do ministério das Relações Exteriores da Turquia confirmou que Yildirim já está em liberdade. O oficial levantou ainda a hipótese de os seqüestradores terem deixado Yildirim escapar.

Agencia Estado,

22 Outubro 2004 | 10h47

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.