1. Usuário
Assine o Estadão
assine

Reino Unido quer aprovar lei de monitoramento

AE - Agência Estado

10 Julho 2014 | 15h 58

O primeiro-ministro da Grã-Bretanha, David Cameron, prometeu na quinta-feira apressar novas medidas para dar à polícia e às agências de espionagem o poder para interceptar ligações e dados compartilhados na internet.

A aceleração do projeto de lei vem na contramão de uma decisão do Tribunal de Justiça Europeu em abril que a exigência das empresas de manter registros de telefonemas e dados de internet violou o direito à privacidade e o direito à proteção dos dados pessoais.

Cameron disse que a legislação de emergência é fundamental para manter a segurança nacional, argumentando que as consequências de não agir podem ser graves. "Os eventos no Iraque e na Síria demonstram que agora não é o momento de reduzir a nossa capacidade de manter o nosso povo seguro."

"A capacidade de acessar informações sobre as comunicações e a interceptação de dados que indivíduos perigosos trocam é essencial para lutar contra a ameaça de criminosos e terroristas que visam o Reino Unido", acrescentou o premiê. Fonte: Associated Press.