Shimon Peres diz que Ahmadinejad não tem futuro

O presidente de Israel, Shimon Peres, afirmou neste domingo que o presidente do Irã, Mahmoud Ahmadinejad, não tem futuro e que o líder iraniano precisa adotar uma atitude mais construtiva. A declaração feita ao jornal espanhol, La Vanguardia, ocorreu durante a visita oficial de Peres ao Brasil, a primeira de um presidente israelense em 43 anos.

AE, Agencia Estado

15 Novembro 2009 | 16h56

A viagem de Peres à América do Sul tem por objetivo tentar conter a influência iraniana na região e ocorre antes da chegada de Ahmadinejad à Brasília, no dia 23 de novembro. O presidente de Israel contou que obviamente muito se falou sobre o Irã durante a visita ao Brasil e que "não é suficiente gastar centenas de milhares de dólares na região e em todo o mundo para comprar influência, lugares e pessoas". "Por isso, não acredito que presidente iraniano tenha futuro", afirmou Peres.

"Ele precisa adotar uma mensagem positiva para seu povo e para o mundo. Ele é um presidente que pede a destruição de outro país e que nega o holocausto, mesmo assim existem centenas e centenas de sobreviventes em Israel que têm gravado o número dos nazistas em seus braços", declarou Peres.

O presidente de Israel acusa o Irã de destruir o Líbano ao dar suporte ao Hezbollah dividindo o país. Peres também acusou o Irã de fornecer armas ao Hamas em Gaza, e de tentar destruir o governo da Autoridade Palestina.

Shimon Peres deixa o Brasil em direção à Argentina, próxima parada em sua viagem pela América do Sul.

Com sua visita ao Brasil, Ahmadinejad - que no passado pediu que Israel fosse banida do mapa - espera estreitar as relações comerciais entre Brasil e Irã. As informações são da Dow Jones.

Mais conteúdo sobre:
Israel Irâ Ahmadinejad

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.