Issei Kato / Reuters
Issei Kato / Reuters

Shinzo Abe garante vitória de eleições parlamentares no Japão

Coalizão do atual primeiro-ministro garante ao menos dois terços das cadeiras em disputa na votação antecipada; campanha foi marcada pelo debate sobre Coreia do Norte

O Estado de S.Paulo

22 Outubro 2017 | 16h32

O partido do primeiro-ministro japonês, Shinzo Abe, garantiu ampla vitória nas eleições legislativas deste domingo, 22, segundo os primeiros resultados da apuração de votos. A coalizão liderada pelo conservador Partido Liberal Democrático, de Abe, conseguiu eleger dois terços dos representantes da câmara baixa do congresso no Japão. 

Ao menos 310 das 465 cadeiras em disputa foram conquistadas pela coalizão governista, segundo a TV estatal NHK. O resultado pode abrir espaço para uma revisão da constituição do Japão, considerada pacifista. As campanhas foram marcadas pelo debate sobre a Coreia do Norte, que disparou mísseis sobre o território japonês e no mar próximo ao litoral do país neste ano

Abe dissolveu a câmara baixa há menos de um mês, forçando as eleições instantâneas. A capacidade de ganhar 465 lugares na câmara mais poderosa, que escolhe o primeiro ministro. Uma vitória eleitoral aumentaria as chances da Abe de ganhar outro mandato de três anos em setembro próximo como líder do Partido Liberal Democrata. Isso poderia prolongar seu mandato para 2021, dando-lhe mais tempo para prosseguir o seu objetivo de revisão de longa data Constituição do pós-guerra do Japão.

O resultado aumenta as chances de Abe ganhar um novo mandato de três ano, em setembro de 2018. O atual primeiro-ministro está no poder desde o fim de 2012, depois de um curto governo entre 2006 e 2007. Caso vença no próximo ano, Abe pode manter-se no cargo até 2021 e se tornar o político com mais tempo no cargo na história do Japão. / AFP e Bloomberg

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.