Paulo Beraldo/Estadão
Paulo Beraldo/Estadão

Terremoto de seis graus atinge o Chile

Tremor foi registrado na área central do país, com o epicentro próximo a Valparaíso

O Estado de S.Paulo

23 Abril 2017 | 01h15

SANTIAGO - Um sismo de magnitude 6,0 na escala Richter atingiu quatro regiões da área central do Chile na noite de sábado, 22. Não há informações sobre mortes ou danos materiais.

Segundo o Centro Sismológico Nacional, da Universidade do Chile, o tremor de terra foi sentido às 23h36 (horário local) e seu epicentro foi 48 quilômetros a oeste do porto de Valparaíso.

O Serviço Hidrográfico e Oceanográfico da Armada (SHOA) indicou que as características do terremoto não têm capacidade de gerar um tsunami. 

O tremor foi sentido com diferentes intensidades nas regiões Metropolitana, O'Higgins, Valparaíso e Coquimbo. 

Cerca de meia hora após o primeiro tremor, foram registradas réplicas de 4,6 e 4,9 graus.

O Serviço Geológico dos Estados Unidos (USGS) apontou que a magnitude foi de 5,9 graus no epicentro, a 9,8 quilômetros abaixo do Oceano Pacífico. 

A Escala Richter vai de 1 a 10 e quanto mais próxima de 10, maior a intensidade do tremor. 

Normalidade. O intendente de Valparaíso, Gabriel Aldoney, disse que a situação na cidade portuária "está normal e muito calma", informa o jornal El Mercúrio. Explicou que os serviços estão funcionando adequamente, apesar de um pequeno problema nas linhas telefônicas. 

"Não há cortes de luz e os serviços estão funcionando. Nessas condições, o mais importante é que as comunicações funcionem bem", disse ao jornal. / EFE

Mais conteúdo sobre:
Chile Santiago Terremoto

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.