1. Usuário
Assine o Estadão
assine


Tropas do Irã ajudam Iraque na luta contra insurgentes

AE - Agência Estado

12 Junho 2014 | 16h 21

O Irã enviou forças da Guarda Revolucionária para lutar no Iraque, ajudando as tropas do governo de Bagdá a retomar o controle da maior parte da cidade de Tikrit, que foi invadida por militantes extremistas ontem, disseram fontes de segurança iranianas.

Dois batalhões das Forças Quds, o braço no exterior da Guarda Revolucionária do Irã que já operam há alguns anos no Iraque, foram enviados em auxílio das forças sitiadas do governo, dominado pelos xiitas.

As forças Irã-Iraque combinadas retomaram o controle de 85% de Tikrit a cidade natal do ex-ditador Saddam Hussein, de acordo com fontes de segurança de ambos os países.

As forças conjuntas estavam ajudando a proteger a capital Bagdá e as cidades santas xiitas de Najaf e Karbala, que foram ameaçadas pelos grupos Estado Islâmico do Iraque do Levante e al-Sham. A ofensiva relâmpago dos militantes sunitas tem jogado o Iraque em sua pior turbulência desde a luta sectária que se seguiu à invasão de 2003 liderada pelos EUA.

O governo do Irã, de maioria xiita, também posicionou as suas tropas ao longo da fronteira do Iraque e prometeu bombardear as forças rebeldes se elas forem vistas a 100 quilômetros da fronteira, de acordo com um general iraniano.

Além disso, fontes dizem que o Irã estava considerando a possibilidade de transferir para o Iraque tropas do país que lutam a favor do regime da Síria caso essa contraofensiva inicial não apresente resultados.

Os dois países tem uma relação histórica tensa, sendo marcada, inclusive, por uma guerra entre os anos de 1980 e 1988. Fonte: Dow Jones Newswires.