REUTERS/Carlos Barria
REUTERS/Carlos Barria

Trump diz que Kim Jong-un desrespeitou China

Pyongyang realizou um novo teste de um míssil balístico que aparentemente explodiu minutos depois de seu lançamento

O Estado de S.Paulo

29 Abril 2017 | 07h18

WASHINGTON - O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, afirmou na sexta-feira, 28, que com seu novo teste de míssil balístico, o líder norte-coreano, Kim Jong-un, faltou com respeito a China.

"A Coreia do Norte não respeitou os desejos da China e nem de seu respeitado presidente (Xi Jinping) quando lançou hoje, embora sem sucesso, um míssil", disse Trump, em uma mensagem através do Twitter postada na sexta.

Pyongyang realizou neste sábado, às 5h30 (horário local, 17h30 de Brasília, na sexta-feira) um novo teste de um míssil balístico que aparentemente explodiu minutos depois de seu lançamento, segundo fontes militares sul-coreanas e americanas.

Washington pediu a China para ajudar a colocar Pyongyang à mesa de negociação, sem descartar uma ação militar.

No início deste mês, Pequim pediu "prudência" para todas as partes, após outro lançamento de míssil balístico realizado pela Coreia do Norte. / EFE

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.