Joe Skipper Reuters
Joe Skipper Reuters

Trump pressiona Congresso para conseguir fundos para muro entre EUA e México

Segundo o Departamento de Segurança Nacional, seriam necessários US$ 21 milhões para viabilizar a obra, que foi uma das principais promessas de campanha do magnata

O Estado de S.Paulo

22 Abril 2017 | 21h18

WASHINGTON - O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, vai insistir com o Congresso para que qualquer projeto orçamentário que passe inclua os fundos para financiar a construção do muro na fronteira com o México. A informação foi dada pelo secretário de Segurança Nacional, John Kelly, em entrevista à CNN.

“Acredito que o presidente tem sido bastante direto sobre seu desejo e a necessidade de um muro na fronteira. Acho que ele vai fazer a coisa certa, mas suspeito que insistirá no financiamento”, afirmou Kelly na entrevista.

A notícia traz a possibilidade de um novo enfrentamento entre o presidente americano e os parlamentares, que têm até a próxima sexta-feira, 28, para chegar a um acordo orçamental.

Os democratas do Senado já disseram que vão se opor à inclusão de fundos orçamentários para a construção do muro. Porém, a tensão aumentou ainda mais quando o jornal The Wall Street Journal informou que os republicanos de Estados que fazem fronteira com o México também devem votar para recusar o gasto.

A construção do muro foi uma das grandes promessas de Trump, que afirmava, ainda, que os mexicanos reembolsariam os custos da construção. Segundo o Departamento de Segurança Nacional, o custo estimado do muro ultrapassou os US$ 8 milhões que o presidente americano calculou inicialmente para US$ 21 milhões, segundo o Departamento de Segurança Nacional. / EFE

Mais conteúdo sobre:
WASHINGTON Donald Trump México CNN

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.