Violência deixa dois mortos na Tailândia

Homens armados abriram fogo e lançaram granadas contra uma delegacia do distrito de Kapor, no sul da Tailândia, nesta terça-feira. Duas pessoas morreram e outras cinco ficaram feridas no mais recente incidente da onda de violência que atinge a região de maioria muçulmana. Várias bombas também explodiram no local nas primeiras horas dia dia. Um grupo de seis supostos militantes islâmicos atacou uma repartição do governo antes do atentado contra a delegacia, que fica do outro lado da rua. Os cerca de 20 policiais que estavam de plantão revidaram. O combate durou cerca de 15 minutos, até que a fuga dos rebeldes que, segundo a polícia, pretendiam roubar armas.

Agencia Estado,

12 Outubro 2004 | 03h36

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.