Atentado mata pelo menos dois e fere outros dez no Paquistão

Ação foi cometida por um suicida, asseguraram fontes oficiais

Efe,

01 Maio 2010 | 07h26

Pelo menos duas pessoas morreram e dez ficaram feridas em um atentado em um movimentado bazar do vale de Swat, norte do Paquistão, informaram fontes médicas e de segurança citadas pela imprensa do país.

 

O atentado ocorreu por volta das 11h45 locais (3h45 no horário de Brasília), quando uma bomba explodiu na zona de Sohrab Khan Chowk, em Mingora, principal localidade do distrito, situado na conflituosa província noroeste de Khyber-Pakhtunkhwa.

 

Fontes oficiosas asseguraram que foi uma ação cometida por um suicida, mas por enquanto não há confirmação oficial. Os feridos, alguns deles em situação grave, foram levados a um hospital próximo, enquanto as forças de segurança isolaram o local, onde várias lojas sofreram graves danos pela explosão.

 

Pouco antes do atentado, as autoridades tinham detido um suposto terrorista suicida também em Mingora, segundo o canal televisivo Geo TV.

 

O Exército paquistanês, que realizou uma grande operação contra os talibãs em meados de 2009 em Swat, ainda mantém um grande desdobramento de tropas na região, onde seguem acontecendo esporadicamente atentados e outros fatos violentos.

Mais conteúdo sobre:
Atentado Paquistão Vale do Swat

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.