Eleições no Iraque podem ser adiadas, diz Hillary

Disputas sobre leis eleitorais são o motivo; Secretária de Estado não falou sobre datas

Efe,

23 Novembro 2009 | 15h40

A Secretária de Estado dos EUA, Hillary Clinton, revelou nesta segunda-feira, 23, que estuda a possibilidade de adiar as eleições nacionais do Iraque para depois de janeiro por conta da disputa sobre as cadeiras no Parlamento.

 

Hillary disse que as autoridades estão envolvidas em tentar ajudar o os políticos iraquianos a resolver suas diferenças em torno das leis eleitorais que devem ser aprovadas antes da realização das eleições.

 

A votação está agendada para acontecer em janeiro. A secretária não mencionou datas específicas mas disse que o pleito "pode escorregar" em decorrência das disputas sobre as leis eleitorais. Hillary, entretanto, mostrou-se confiante de que as eleições serão de fato realizadas.

Mais conteúdo sobre:
Hillary Iraque

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.