1. Usuário
Assine o Estadão
assine

Primavera Árabe

Governo líbio diz ter perdido o controle da maioria dos ministérios na capital

REUTERS

01 Setembro 2014 | 07h 19

O governo da Líbia anunciou que perdeu o controle da maioria dos ministérios e instituições estaduais localizadas na capital, Trípoli, depois que grupos armados rivais assumiram o controle da cidade.

No mês passado, altos funcionários e o Parlamento eleito se mudaram para a cidade oriental de Tobruk assim que uma aliança de facções armadas lideradas por forças de Misrata, situada na parte oeste do país, tomaram o controle de Trípoli, após sobrepujarem um grupo rival.

A Líbia está mergulhando na anarquia enquanto ex-grupos rebeldes que lutaram para derrubar Muammar Gaddafi em um levante apoiado pela Otan em 2011 combatem uns aos outros ao mesmo tempo que procuram definir a agenda política do país e controlar suas vastas reservas de petróleo.

"Anunciamos que a maioria dos ministérios, instituições e órgãos do Estado na capital, Trípoli, estão fora de nosso controle", disse o governo em um comunicado divulgado na noite de domingo. Os grupos armados impediram os membros do governo de entrar em alguns prédios do governo, acrescentou.

Todos os ministérios, a empresa estatal do petróleo (NOC, na sigla em inglês) e o banco central estão localizados na capital.

A violência persistente não afetou a produção de petróleo, mas negociadores disseram que a propriedade do produto pode estar sujeita a desafios legais se as forças de Misrata assumirem o controle do banco central, onde as receitas brutas são depositadas.

Primavera Árabe