1. Usuário
Assine o Estadão
assine

Primavera Árabe

Iraque nega que Irã use seu espaço aéreo para entrega de armas à Síria

Reuters

20 Setembro 2012 | 07h 53

BAGDÁ - O Iraque reagiu nesta quinta-feira, 20, contra um relatório de uma agência ocidental de inteligência segundo o qual aviões iranianos estão transportando armas e pessoal militar para a Síria através do espaço aéreo iraquiano com a finalidade de ajudar o presidente sírio, Bashar Assad. O relatório, divulgado pela Reuters na quarta, diz que a Guarda Revolucionária Islâmica, unidade iraniana de elite, organiza o transporte das armas.

 

Veja também:

linkEUA pressionam Iraque por auxílio do Irã à Síria

 

Embora não seja novidade a acusação de que o Iraque tenha permitido ao Irã transferir armas para a Síria, o relatório diz que a extensão de tal suprimento é muito maior e mais sistemática do que admitida publicamente, graças a um acordo entre altas autoridades iraquianas e iranianas.

"O comunicado oficial do governo iraquiano nega totalmente essa questão. Não há nada disso acontecendo", disse à Reuters o general Hussein Kamal, vice-ministro iraquiano do Interior para a área de inteligência.

Segundo o relatório, o Irã também está enviando caminhões com armas para a Síria, passando pelo território iraquiano.

No começo deste mês autoridades dos Estados Unidos disseram estar questionando o Iraque sobre os voos iranianos no espaço aéreo iraquiano. Na quarta-feira, o senador John Kerry ameaçou propor a revisão da ajuda norte-americana ao Iraque se o país não interromper esses voos para a Síria.

Primavera Árabe