Para a coleção
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Para a coleção

andreinetto

17 de maio de 2011 | 10h32

Serge Dassault, proprietário da Dassault, na época em que adquiriu o Le Figaro. Foto: AFP

Reportagens publicadas pelo jornal Le Figaro na segunda e terça-feiras afirmam que as caixas-pretas do voo AF-447 livram a Airbus de culpa no acidente, responsabilizando os pilotos. O jornal Le Figaro é propriedade da holding Socpresse, 100% detida pelo construtor aeronáutico Dassault e por seu dono, Serge Dassault (foto). Do capital total da Dassault, 46,32% das ações pertencem ao grupo EADS. E EADS detém 100% das ações da Airbus.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.