Fiat Chrysler anuncia criação de 2 mil vagas e investimento de US$ 1 bi nos EUA

Montadora opta por investir no país em meio a críticas de Trump a empresas que produzem automóveis no México

Redação Internacional

09 Janeiro 2017 | 13h36

WASHINGTON – A montadora ítalo-americana Fiat Chrysler anunciou na noite de domingo, 8, a criação de 2 mil novas vagas de emprego nos EUA, com um investimento de US$ 1 bilhão.

A empresa é segunda do setor a decidir ampliar a oferta de postos de trabalho no país, depois de a General Motors criar 700 vagas em Michigan. O presidente eleito, Donald Trump, tem criticado empresas que preferem investir em outros países, especialmente o México.

Trump tem criticado montadoras que investem no México

Trump tem criticado montadoras que investem no México

“A Fiat Chrysler USA está mostrando seu compromisso com a base de manufatura nos Estados Unidos”, disse a empresa em nota. Uma das principais promessas de Trump era trazer de volta empregos industriais para o país.

Por meio do Twitter,o presidente eleito chegou a criticar a General Motors por fabricar automóveis no México. A Toyota também foi alvo de críticas. A Ford chegou a alterar seus planos e atribuiu isso, em parte, “ao ambiente de negócios criado com a chegada de Trump ao poder”.

Outras empresas, como a Renault-Nissan, prometeram manter-se “flexíveis”. /AFP