Presidente mexicano se diz otimista com relacionamento com EUA após chegada de Trump

Presidente mexicano se diz otimista com relacionamento com EUA após chegada de Trump

Para Enrique Peña Nieto, nova agenda bilateral ‘será positiva’ e ‘em benefício das sociedades de ambas nações’

Redação Internacional

11 de novembro de 2016 | 10h27

CIDADE DO MÉXICO – O presidente do México, Enrique Peña Nieto, disse na quinta-feira ter um “otimismo fundado” sobre a construção de uma nova agenda de trabalho com os EUA a partir da chegada do republicano Donald Trump à Casa Branca.

“Tenho um fundado otimismo de que realmente vamos poder construir uma nova agenda de trabalho na relação bilateral”, afirmou Peña Nieto a representantes da indústria de rádio e televisão do país. Ele expressou sua confiança de que a nova agenda bilateral “será positiva” e “em benefício das sociedades de ambas nações”.

Presidente do México, Enrique Peña Nieto (Foto: EFE/PRESIDENCIA DE MÉXICO)

Presidente do México, Enrique Peña Nieto (Foto: EFE/PRESIDENCIA DE MÉXICO)

O líder mexicano retomou o lema da reunião deste setor da indústria – “União, diálogo e respeito” – para simbolizar o espírito que seu governo pretende ter com relação às conversas com os americanos em razão da chegada em janeiro de Trump à presidência dos EUA, o principal parceiro comercial dos mexicanos.

O México buscará estabelecer com o próximo governo “uma relação de diálogo, respeito e confiança, porque ambos países somos aliados, parceiros e vizinhos”, reiterou.

Peña Nieto destacou ainda que sua prioridade “será cuidar do México e proteger os mexicanos” e insistiu em seu apelo à unidade diante deste “novo capítulo de nossa relação bilateral”.

O presidente mexicano conversou na quarta-feira com Trump e qualificou o diálogo como “amável e respeitoso”, acrescentando que ambos concordaram em se reunir “preferencialmente” ainda na etapa de transição. / EFE

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.