As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Obama recebe quatro vezes mais ameaças de morte do que Bush

gustavochacra

17 de setembro de 2009 | 13h41

O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, corre elevado risco de ser assassinado por supremacistas brancos. A afirmação é de Ronald Kessler, autor do livro “In the President’s Secret Service – Behind the Scenes with Agents in the Line of Fire and the Presidents They Protect”, que analisa a segurança dos chefes da Casa Branca através de entrevistas com mais de cem agentes responsáveis pela proteção do atual líder americano e de seus antecessores.

Pode parecer brincadeira, mas este risco existe. Bush também era ameaçado, mas quatro vezes menos do que Obama. O problema, segundo Kessler, não são as posições políticas do atual presidente, afinal radicalismo existe tanto na esquerda como na direita. Os que ameaçam Obama, sua mulher e suas duas filhas são racistas que não suportam ver um negro no comando dos Estados Unidos.

No passado, quatro presidentes americanos foram assassinados – John Kennedy, Abraham Lincoln, James Gerfield e William McKinley.

Israel questiona por que os EUA não são investigados

Em Israel, o jornalista Ari Shavit, do Haaretz, e algumas autoridades do país questionam com razão o por que de apenas Israel ser investigado por crimes de guerra. Concordo. Acho que os israelenses deveriam ser investigados pela ONU, mas eles têm total razão ao dizer que ninguém verificou o que o Exército libanês fez no campo de refugiados de Naher el Bared em 2007 e tampouco nas ações americanas no Iraque e no Afeganistão ou as russas na Geórgia. Isso para ficar apenas em incidentes recentes

Seinfeld está de volta

Conforme matéria que escrevi hoje para o Caderno 2, os quatro principais atores de Seinfeld, um dos mais premiados programas de TV de todos os tempos, participarão de cinco episódios de Curb Your Enthusiasm, estrelada pelo comediante Larry David, produtor-executivo e um dos criadores da antiga série. Esta será a primeira vez que Julia Louis-Dreyfus (Elaine), Jason Alexander (George), Michael Richards (Kramer) e Jerry Seinfeld estarão juntos desde o fim da sitcom, em maio de 1998.

Pouco conhecido no Brasil, David foi tão importante para Seinfeld quanto o comediante que dava nome para a série. Além de produtor-executivo e redator-chefe, David serviu de inspiração para o personagem George Constanza, o melhor amigo de Jerry no programa.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.