As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Congelamento ou desmantelamento dos assentamentos israelenses?

gustavochacra

13 de julho de 2009 | 19h18

Os Estados Unidos exigem, abertamente, que Israel congele a expansão dos assentamentos já existentes. O governo israelense defende construções dentro das colônias erguidas como forma de permitir o crescimento natural da população. Os palestinos pedem o desmantelamento de todos os assentamentos.

Note, aqui, que existem duas palavras distintas – congelamento e desmantelamento. O presidente Barack Obama ainda não delineou o seu plano de paz. Mas, ao insistir na questão do congelamento, conforme afirmou hoje para autoridades judaicas, indiretamente, ele pede concessões dos dois lados. Os palestinos abdicariam do pedido de desmantelamento de todos os assentamentos e Israel concordaria em não construir mais nenhuma nova colônia.

Assim, os palestinos poderiam manter a maior parte da Cisjordânia e os israelenses ficariam com a maioria dos assentamentos. Em troca, os palestinos receberiam terras em outras áreas. E os israelenses teriam menos dificuldades para combater a oposição interna a um acordo, já que muitos colonos não precisariam ser removidos.

Das quatro grandes questões sobre a resolução do conflito, esta parece ser a mais simples e mais próxima de um acordo. Falta saber o que Obama pensa sobre o status final de Jerusalém, a solução para o problema dos refugiados e o desarmamento de grupos que pregam a destruição de Israel.

Comentários islamofóbicos, anti-semitas e anti-árabes ou que coloquem um povo ou uma religião como superiores não serão publicados. Tampouco ataques entre leitores. Não é permitido postar vídeo. Todos os posts devem ter relação com algum dos temas acima

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.