As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

De Beirute a Nova York – Blog completa dois anos e entrevista os leitores

gustavochacra

13 de setembro de 2010 | 08h14

Blog de aniversário e, infelizmente, por problemas técnicos, eu e alguns leitores não conseguimos postar. Vou tentar resolver amanhã. Uma pena

O blog completa hoje dois anos. Neste período, escrevi posts do Líbano, Síria, Egito, Jordânia, Israel, Faixa de Gaza, Cisjordânia, Chipre (incluindo a parte turca), Turquia (incluindo o Curdistão), Emirados Árabes Unidos, Omã, Yemen, França, Estados Unidos, Colômbia, Honduras, Costa Rica, Brasil e Haiti.

No começo, o nome era Diário do Oriente Médio, pois eu era correspondente na região. Quando assumi o posto aqui nos EUA, mudei o nome para “De Beirute a Nova York”. Alguns leitores me acompanham desde o começo, quando estava na capital libanesa. Dois deles conquistaram fãs entre os outros comentaristas. Para celebrar a data, decidi entrevistá-los.

Nos comentários, gostaria que os leitores respondessem às mesmas perguntas que fiz ao Fabio Nog e o Gluón. 1) Você acha que este blog ajuda no sonho de um dia ser possível viajar de Beirute a Tel Aviv, ou de Damasco a Jerusalém? 2)Qual o post que vc mais gostou? Por que? 3) E o que menos gostou? Por que?

FABIO NOG

Você acha que este blog ajuda no sonho de um dia ser possível viajar de Beirute a Tel Aviv, ou de Damasco a Jerusalém?

Todo pêndulo vai a extremos mas um dia ele para na posição de equilíbrio, não por acaso no meio. No blog a gente vê o reflexo de 60 anos de guerra: ressentimentos, raiva, sensação de impotência, inconformismo …. e vê também um esforço danado em busca de soluções razoáveis. O pêndulo um dia parará nessas soluções. Claro que nenhum blog, isoladamente, tem poder para influenciar a vida do Oriente Médio. Mas calcule quantos outros blogs, com seus respectivos pêndulos oscilando pra um extremo e pro outro, existem pelo mundo. Se todos começarem a convergir para o mesmo ponto de equilíbrio, teremos uma forte esperança de um dia poder passear pra lá e pra cá no Oriente Médio sem tropeçar em milicias, tanques, minas, muros, check-points, guardas e bloqueios

Qual o post que vc mais gostou? Por que?

Olha, os posts que eu mais curto são justamente aqueles que fogem dos temas polêmicos. O que mais me marcou foi o post do teu aniversário (final de maio, não?). Você fez um texto meio emotivo, misturou um monte de assuntos diferentes e ficou super legal e autêntico. Peito aberto mesmo. E o pessoal respondeu com posts na mesma linha, na santa paz. Talvez tenha sido o único post nos 2 anos do blog em que ninguém se pegou de pau. Clima zen total, bem do jeito que eu gosto de viver minha vida

E o que menos gostou? Por que?

Não consigo te apontar algum que eu claramente tenha desgostado. De modo geral, me interesso menos por aqueles que entram nos detalhes da política do Oriente Médio. Como eu tenho conhecimento superficial sobre os temas do OM, eu só consigo contribuir quando eles são abordados sob uma ótica macro. Agora o que realmente me irrita não são os posts e sim o pessoal que tenta discutir questões geopolíticas a partir de uma visão religiosa ou arqueológica. Coisas do tipo “meu tataratataratataravô plantou essa árvore aqui. Portanto esse terreno é meu”. Ao que o outro responde: “tá, mas meu tataratataratataratataratataravô foi quem tirou as pedras do caminho pro teu plantar a árvore. Portanto o terreno é meu”. Esse tipo de argumentação me lembra discussão de criança de 6 anos de idade disputando posse de brinquedo. Não conseguem se entender, partem pra briga, um faz lobby com a mamãe e outro com o papai e no fim ficam os dois com o bico virado….. e sem o brinquedo.

GLUON

Você acha que este blog ajuda no sonho de um dia ser possível viajar de Beirute a Tel Aviv, ou de Damasco a Jerusalém?

É óbvio que sim. Olha só esta lista aí embaixo

__________________________________________

Relação dos laureados com o Nobel da Paz

___________________________________________

Ano__Laureado____País__________Motivo da premiação

2006_M.Yunus_Bangladesh____Apoio as classes desfavorecidas

2007_Al Gore_____EUA_______Esforços sobre mudanças climáticas

2008_M.Ahtisaari_Finlândia_____Solução de conflitos internacionais

2009_B.Obama____EUA_______Ideias de “boas intenções”.

2010_G.Chacra___Brasil_______Blog “De Beirute a Nova York”

____________________________________

Qual o post que você mais gostou? Por quê?

Na realidade foram 2 posts.

Gostei deles porque, na época, foram oportunos com os acontecimentos,

Além de realizar comentários que receberam elogios do blogueiro e igualmente

dos demais comentaristas

_______________________________________________________

Post nº 1

Do Cairo a Rafah – Regime egípcio também bloqueia a Faixa de Gaza

por Gustavo Chacra – Seção: Sem categoria – 02.junho.2010 – 09:28:51

________________________________________________________

02/06/2010 – 14:55

Enviado por: Glúon

______________________________

As novas graduações do Krav Magá

______________________________

Faixa Branca

Faixa Amarela

Faixa Verde

Faixa Preta

Faixa de Gaza

_______________________

02/06/2010 – 16:57

Enviado por: Gustavo Chacra

Glúon, sensacional

_______________________

Post nº 2

De Tegucigalpa a Teerã – Sem entender do assunto, brasileiros debatem política

externa

por Gustavo Chacra – Seção: Brasil – 28.abril.2010 – 07:42:23

___________________

28/04/2010 – 10:33

Enviado por: Glúon

__________________

De Garanhuns a Teerã

______________________

– Como posso fazer comentários sobre política externa?

– Você possui experiência internacional e escreve sobre o assunto?

– Não.

– Já morou no Oriente Médio?

– Não.

– Conversou com um muçulmano ao vivo?

– Não.

– Sabe a diferença entre curdo, persa, sunita e xiita?

– Não.

– Conhece o mundo, fala e escreve em diversas línguas?

– Não.

– Mora atualmente no exterior?

– Não.

– Esteve em Meca, Jerusalém, Karbana, Najaf, Medina e Mashad?

– Não.

– Pelo menos sabe por que aqui no Brasil os judeus e os árabes se dão tão bem?

– Deve ser porque é tudo turco, né?

____________________________


28/04/2010 – 11:01 – Enviado por: Gustavo Chacra

Glúon, desta vez, você escreveu o melhor comentário do blog de todos os

tempos. Merece ser guardado por todos. Nunca vi um resumo tão bom de

como o Brasil vê o Oriente Médio

____________________________

E o que menos gostou? Por quê?

Foi o Post:

De Nova York a Buenos Aires – Argentina ou EUA vencerão a Copa do Mundo

por Gustavo Chacra- Seção: Sem categoria -11.junho.2010 – 09:12:53

_______________________________________________________________________

Eu menos gostei porque pensei

O Chacra está também tentando fazer humor e vai tomar o meu lugar, né?

___________________________________________________________

NOTA DO BLOG –  Por falha minha, esqueci desejar Feliz Eid aos leitores muçulmanos. E, mais uma vez, Shana Tová aos judeus

Comentários islamofóbicos, anti-semitas e anti-árabes ou que coloquem um povo ou uma religião como superiores não serão publicados. Tampouco ataques entre leitores ou contra o blogueiro. Pessoas que insistirem em ataques pessoais não terão mais seus comentários publicados. Não é permitido postar vídeo. Todos os posts devem ter relação com algum dos temas acima. O blog está aberto a discussões educadas e com pontos de vista diferentes

O jornalista Gustavo Chacra, mestre em Relações Internacionais pela Universidade Columbia, é correspondente de “O Estado de S. Paulo” em Nova York. Já fez reportagens do Líbano, Israel, Síria, Cisjordânia, Faixa de Gaza, Jordânia, Egito, Turquia, Omã, Emirados Árabes, Yemen e Chipre quando era correspondente do jornal no Oriente Médio. Participou da cobertura da Guerra de Gaza, Crise em Honduras, Crise Econômica nos EUA e na Argentina, Guerra no Líbano, Terremoto no Haiti e crescimento da Al Qaeda no Yemen. No passado, trabalhou como correspondente da Folha em Buenos Aires. Este blog foi vencedor do Prêmio Estado de Jornalismo em 2009, empatado com o blogueiro Ariel Palacios

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.