As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

De Nova York a Jerusalém – Veto dos EUA à resolução anti-Israel vale mais que todo o resto do mundo

gustavochacra

18 de fevereiro de 2011 | 21h55

Resolução votada ontem no Conselho de Segurança da ONU condenando a construção de assentamentos israelenses na Cisjordânia – 14 votos a favor, mas rejeitada devido ao veto americano. Os EUA argumentam que é melhor encontrar uma solução negociada

Resolução nas Nações Unidas com sanções ao Irã devido ao desrespeito do Tratado de Não-Proliferação Nuclear em junho de 2010 – aprovada com 12 votos a favor, uma abstenção (Líbano) e dois contra (Brasil e Turquia). Brasileiros argumentam que é melhor uma solução negociada

 Comentários islamofóbicos, anti-semitas e anti-árabes ou que coloquem um povo ou uma religião como superiores não serão publicados. Tampouco ataques entre leitores ou contra o blogueiro. Pessoas que insistirem em ataques pessoais não terão mais seus comentários publicados. Não é permitido postar vídeo. Todos os posts devem ter relação com algum dos temas acima. O blog está aberto a discussões educadas e com pontos de vista diferentes

O jornalista Gustavo Chacra, mestre em Relações Internacionais pela Universidade Columbia, é correspondente de “O Estado de S. Paulo” em Nova York. Já fez reportagens do Líbano, Israel, Síria, Cisjordânia, Faixa de Gaza, Jordânia, Egito, Turquia, Omã, Emirados Árabes, Yemen e Chipre quando era correspondente do jornal no Oriente Médio. Participou da cobertura da Guerra de Gaza, Crise em Honduras, Crise Econômica nos EUA e na Argentina, Guerra no Líbano, Terremoto no Haiti e crescimento da Al Qaeda no Yemen. No passado, trabalhou como correspondente da Folha em Buenos Aires. Este blog foi vencedor do Prêmio Estado de Jornalismo em 2009, empatado com o blogueiro Ariel Palacios

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.