As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

O que é pior, o Egito pós-Mubarak ou a Líbia pós-Kadafi?

gustavochacra

02 de dezembro de 2014 | 13h03

O Egito hoje é um regime ainda mais autocrático e repressivo do que nos tempos de Hosni Mubarak, inocentado na Justiça neste fim de semana. Mas, de fato, Sissi tem uma popularidade bem superior ao ex-ditador.

A Líbia, depois da queda de Muamar Kadafi, se transformou em terra de ninguém, com Trípoli nas mãos de organizações ligadas à Al Qaeda, o ISIS controlando algumas áreas e o governo reconhecido pelo exterior operando de uma cidade perto da fronteira com o Egito, a milhares de quilômetros da capital.

A Tunísia se tornou democrática, tem um Parlamento comandado pelos seculares, com uma oposição mais religiosa organizada, e terá um presidente em breve. Sem dúvida, avançou em relação aos tempos de Ben Ali

O Marrocos deu passos discretos em direção a uma monarquia constitucional e soube conter o radicalismo existente em outros países da região

A Argélia passou pelo que a Síria e o Iraque passam hoje nos anos 1990. No fim, a ditadura militar se consolidou, mas o país ainda enfrenta problemas com o radicalismo e está distante de ter liberdades democrático. Seu líder já passou dos 80 anos e não está claro como será a sucessão

Não sei como faz para publicar comentários. Portanto pediria que comentem no meu Facebook (Guga Chacra)  e no Twitter (@gugachacra), aberto para seguidores

Guga Chacra, comentarista de política internacional do Estadão e do programa Globo News Em Pauta em Nova York, é mestre em Relações Internacionais pela Universidade Columbia. Já foi correspondente do jornal O Estado de S. Paulo no Oriente Médio e em NY. No passado, trabalhou como correspondente da Folha em Buenos Aires

Comentários islamofóbicos, antissemitas, anticristãos e antiárabes ou que coloquem um povo ou uma religião como superiores não serão publicados. Tampouco são permitidos ataques entre leitores ou contra o blogueiro. Pessoas que insistirem em ataques pessoais não terão mais seus comentários publicados. Não é permitido postar vídeo. Todos os posts devem ter relação com algum dos temas acima. O blog está aberto a discussões educadas e com pontos de vista diferentes. Os comentários dos leitores não refletem a opinião do jornalista

Acompanhe também meus comentários no Globo News Em Pauta, na Rádio Estadão, na TV Estadão, no Estadão Noite no tablet, no Twitter @gugachacra , no Facebook Guga Chacra (me adicionem como seguidor), no Instagram e no Google Plus.