As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

O que o BREXIT tem a ver com a xenofobia?

gustavochacra

23 Junho 2016 | 13h32

A votação do BREXIT, no Reino Unido, também se encaixa na divisão existente no mundo desenvolvido entre populistas xenófobos de um lado e multiculturalistas liberais do outro, conforme expliquei ontem em texto sobre Haifa. Claro, há argumentos a favor dos dois lados. Mas o foco na imigração indica que muitos dos simpatizantes da saída do Reino Unido da União Europeia adotaram um tom xenófobo.

Estes britânicos a favor da saída não querem que europeus do Leste e do Mediterrâneo vivam no país – isso sem falar em brasileiros, paquistaneses, indianos e nigerianos. Não suportam a ideia de um espanhol, polonês, italiano (incluindo muitos brasileiros com cidadania italiana) vivam legalmente no país. Eles apenas se esquecem que estas pessoas pagam impostos e, acima de tudo, transformaram Londres em uma das duas “capitais mundiais” ao lado de Nova York.

Noto que esta divisão não se dá entre direita e esquerda. O conservador premiê David Cameron apoia a permanência britânica no BREXIT. O prefeito de Londres, Sadiq Khan, muçulmano e conhecido defensor dos direitos dos homossexuais e políticas associadas à esquerda, também quer continuar na União Europeia. A premiê alemã, Angela Merkel, de centro-direita, também é multiculturalista, defendendo a convivência entre diferentes religiões e nacionalidades.

Já um dos mais árduos defensores do BREXIT é o populista xenófobo Nick Farage, do UKIP. Suas ideias muitas vezes estão mais próximas das de Donald Trump e Marine Le Pen.

Guga Chacra, blogueiro de política internacional do Estadão e comentarista do programa Globo News Em Pauta em Nova York, é mestre em Relações Internacionais pela Universidade Columbia. Já foi correspondente do jornal O Estado de S. Paulo no Oriente Médio e em NY. No passado, trabalhou como correspondente da Folha em Buenos Aires

Comentários na minha página no Facebook. Peço que evitem comentários islamofóbicos, antissemitas, anticristãos e antiárabes ou que coloquem um povo ou uma religião como superiores. Também evitem ataques entre leitores ou contra o blogueiro.  Não postem vídeos ou textos de terceiros. Todos os posts devem ter relação com algum dos temas acima. O blog está aberto a discussões educadas e com pontos de vista diferentes. Os comentários dos leitores não refletem a minha opinião e não tenho condições de monitorar todos os comentários

Acompanhe também meus comentários no Globo News Em Pauta, no Twitter @gugachacra , no Facebook Guga Chacra (me adicionem como seguidor) e no Instagram