As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Os seis cenários para as primárias no Alabama e Mississippi

gustavochacra

13 de março de 2012 | 10h50

Eleições nos EUA 2012

no twitter @gugachacra

Veja os cenários possíveis para as primárias de hoje no Mississippi e Alabama

 Cenário 1 – Romney vence nos dois Estados – o ex-governador teria um argumento ótimo para pressionar o seus adversários a desistirem de suas candidaturas. Afinal, terá ganho em um território deles, conservador. Sua nomeação como candidato republicano estará praticamente consolidada

Cenário 2 – Romney vence um, Gingrich vence outro – também será positivo para Romney. Por um lado, terá o argumento de ter vencido em um Estado conservador. Ao mesmo tempo, Gingrich não desistirá da disputa e seguirá dividindo votos com Santorum, que sairia enfraquecido

Cenário 3 – Romney vence um, Santorum vence outro – será o fim da campanha de Gingrich. Romney ficará relativamente fortalecido por ter vencido no sul, mas não terá um argumento para convencer Santorum de desistir

 Cenário 4 – Gingrich vence os dois – será o terceiro renascimento do ex-presidente da Câmara, que lhe dará mais sobrevida. O principal afetado seria Rick Santorum, que perderia o argumento de ser o candidato dos conservadores

 Cenário 5 – Gingrich vence um, Santorum vence outro – Romney sofreria por continuar sem uma vitória importante em Estados conservadores. Santorum também não seria tão favorecido porque Gingrich poderia decidir seguir na disputa, dividindo os votos da ala mais radical do partido

Cenário 6 – Santorum vence nos dois Estados – Será o fim da campanha de Gingrich. Santorum finalmente terá uma disputa homem a homem contra Romney, sem dividir o eleitorado conservador. O ex-governador também verá seu sonho de acabar com as primárias antes de junho praticamente descartado

 Obs. Não inclui Ron Paul nos cenários porque pesquisas indicam ser quase impossível uma vitória dele

Obs2. Também ocorrem primárias no Havaí e Ilhas Samoa. Romney deve vencer nas duas

Leiam ainda o blog Radar Global. Acompanhem também a página do Inter do Estadão no Facebook

Comentários islamofóbicos, anti-semitas e anti-árabes ou que coloquem um povo ou uma religião como superiores não serão publicados. Tampouco ataques entre leitores ou contra o blogueiro. Pessoas que insistirem em ataques pessoais não terão mais seus comentários publicados. Não é permitido postar vídeo. Todos os posts devem ter relação com algum dos temas acima. O blog está aberto a discussões educadas e com pontos de vista diferentes. Os comentários dos leitores não refletem a opinião do jornalista

O jornalista Gustavo Chacra, correspondente do jornal “O Estado de S. Paulo” e do portal estadão.com.br em Nova York e nas Nações Unidas desde 2009, é mestre em Relações Internacionais pela Universidade Columbia. Já fez reportagens do Líbano, Israel, Síria, Cisjordânia, Faixa de Gaza, Jordânia, Egito, Turquia, Omã, Emirados Árabes, Iêmen e Chipre quando era correspondente do jornal no Oriente Médio. Participou da cobertura da Guerra de Gaza, Crise em Honduras, Crise Econômica nos EUA e na Argentina, Guerra no Líbano, Terremoto no Haiti e crescimento da Al-Qaeda no Iêmen. No passado, trabalhou como correspondente da Folha em Buenos Aires. Este blog foi vencedor do Prêmio Estado de Jornalismo, empatado com o blogueiro Ariel Palacios

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.