As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Qual o risco de um confronto armado entre a Rússia e a Turquia?

gustavochacra

24 de novembro de 2015 | 12h20

O avião russo que foi abatido pela Turquia na fronteira entre a Síria e o território turco não provocará uma escalada militar entre os dois lados. Não há risco de confronto armado entre as duas nações. Haverá apenas uma retórica mais inflamada no curto prazo como vimos nas declarações de Putin nesta tarde e o cancelamento da viagem do chanceler russo Sergei Lavrov a Ancara. No máximo, uma resposta proporcional russa ao ataque turco. No médio prazo, os dois lados tendem a aparar as arestas.

De fato, a Rússia e a Turquia estão em lados opostos na Guerra Civil da Síria. Moscou apoia Bashar al Assad, enquanto os turcos querem uma mudança de regime. Formalmente, ambos se dizem inimigos do ISIS (Grupo Estado Islâmico ou Daesh). E estão em lados opostos também no conflito entre a Armênia (aliada russa) e o Azerbaijão (aliado turco) em Nagorno Karanakh.

No âmbito bilateral, porém, a Turquia e a Rússia mantêm boas relações econômicas e políticas, como ficou claro na visita festiva do presidente Erdogan a Putin em setembro. Os turcos importam 60% de seu gás e 10% de seu petróleo da Rússia. O comércio bilateral entre os dois países tende a se multiplicar nos próximos anos.

Por último, lembro que um ataque da Rússia à Turquia seria um ataque à OTAN. Obviamente, não há interesse de ninguém em um conflito armado contra os russos, segunda maior potência militar do mundo. E a Rússia não quer um confronto direto contra a Ocidente.

Guga Chacra, blogueiro de política internacional do Estadão e comentarista do programa Globo News Em Pauta em Nova York, é mestre em Relações Internacionais pela Universidade Columbia. Já foi correspondente do jornal O Estado de S. Paulo no Oriente Médio e em NY. No passado, trabalhou como correspondente da Folha em Buenos Aires

Comentários na minha página no Facebook. E comentários islamofóbicos, antissemitas, anticristãos e antiárabes ou que coloquem um povo ou uma religião como superiores não serão publicados. Tampouco são permitidos ataques entre leitores ou contra o blogueiro. Pessoas que insistirem em ataques pessoais não terão mais seus comentários publicados. Não é permitido postar vídeo. Todos os posts devem ter relação com algum dos temas acima. O blog está aberto a discussões educadas e com pontos de vista diferentes. Os comentários dos leitores não refletem a opinião do jornalista

Acompanhe também meus comentários no Globo News Em Pauta, no Twitter @gugachacra , no Facebook Guga Chacra (me adicionem como seguidor) e no Instagram