ONU: aumento da violência na Síria faz número de refugiados “explodir de forma dramática”

Jamil Chade

28 de agosto de 2012 | 06h19

A ONU alerta para uma “explosão dramática” no número de refugiados deixando a Síria nos últimos dias, escapando da escalada da violência. Os dados divulgados hoje em Genebra revelam que já são mais de 214 mil refugiados registrados ou esperando ser registrados nos países vizinhos.

Mas número pode chegar rapidamente a 300 mil nas próximas semanas e até 500 mil quando milhares de familias que hoje já vivem em casas de amigos na região começarem a ficar sem dinheiro e forem obrgados a pedir ajuda da ONU.

O fluxo de refugiados para a Jordânia dobrou nos últimos sete dias, com 10,5 mil novos refugiados em apenas uma semana. No Líbano, já são 53 mil refugiados registrados. No Iraque, são 19 mil. Na Turquia, 3 mi sírios cruzaram a fronteira nas últimas 24 horas e o governo já planeja a abertura de 6 novos campos para atender 150 mil refugiados.

Refugiados dizem que muitos mais virão nos próximos dias e que estão sendo atacados ao tentar cruzar. Há também um fluxo grande de crianças cruzando as fronteiras, desacompanhadas e alertando que seus pais morreram. Internamente, a ONU alerta que mais de 1 milhão de sírios estão vivendo fora de suas casas, grande maioria deles em prédios públicos. 350 escolas estão sendo ocupadas.

Tendências: