Erdogan leva Turquia ao abismo

Lourival Sant’Anna

19 Agosto 2018 | 16h43

A crise turca bateu na porta do Brasil na sexta-feira. Depois de cinco dias de alta, o real caiu frente ao dólar, abalado também pelo crescimento do petista Fernando Haddad. As duas coisas estão interligadas. O derretimento da economia turca é produto de estratégias semelhantes às que levaram países tão diferentes como Brasil, Venezuela e Irã à ruína: crescimento por meio do gasto público, captura do Estado e relação promíscua com a iniciativa privada. Como todo populista, Erdogan despreza fundamentos da economia.

Clique aqui para ler minha coluna no Estadão