Liberalismo versus populismo

Lourival Sant’Anna

23 Setembro 2018 | 21h20

“Eu não estaria tão preocupado com a ascensão da China se os valores liberais não estivessem tão fragilizados nos Estados Unidos sob Donald Trump.” Toshihiro Minohara, especialista japonês em geopolítica da Universidade de Kobe, sintetiza assim as implicações da emergência da China como potência global e o papel esperado dos EUA. Ele acha que o Brasil e a Índia, como grandes democracias emergentes, deveriam se unir ao Japão e a outros países que têm muito a perder com a ruptura da ordem que sustenta os valores liberais e é por eles sustentada. A duas semanas da eleição, porém, os valores liberais nunca estiveram tão ameaçados no Brasil desde sua redemocratização há três décadas.

Clique aqui para ler minha coluna no Estadão