Atriz pornô que diz ter tido caso com Trump ganha dia em sua homenagem
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Atriz pornô que diz ter tido caso com Trump ganha dia em sua homenagem

Ela diz ter recebido US$ 130 mil no âmbito de um acordo de confidencialidade para silenciar sobre o suposto caso com o presidente americano

Redação Internacional

23 Maio 2018 | 21h26

LOS ANGELES – West Hollywood, uma pequena cidade de Los Angeles com numerosa população LGBT e conhecida por sua agitada vida noturna, celebrava nesta quarta-feira, 23, o “Stormy Daniels Day” (Dia de Stormy Daniels), em homenagem à atriz pornô que enfrenta o presidente Donald Trump na Justiça.

+ Análise: As mentiras sobre a amante e a estranha sensação de déjà vu

A atriz, que afirma ter sido amante do presidente e trava uma batalha legal contra ele, recebeu esta noite as chaves da cidade das mãos de seu prefeito, John Duran, e dos membros do conselho municipal, em uma cerimônia organizada em uma loja de produtos eróticos.

Stormy Daniels recebe as chaves de West Hollywood. Foto: Ringo H.W. Chiu/AP

Stormy, cujo nome de batismo é Stephanie Clifford, foi homenageada por “sua liderança no movimento #RESIST” – “resista” em português -, indicou a prefeitura em um comunicado.

“Nesses tempos politicamente tumultuados, Stormy demonstrou ser um exemplo de coragem, ao se levantar para dizer sua verdade perante o poder, inclusive sob ameaças à sua segurança e uma intimidação extrema”.

Stormy diz ter recebido US$ 130 mil no âmbito de um acordo de confidencialidade para silenciar sobre o suposto caso com Trump, e que teria ocorrido quando o então empresário do ramo imobiliário já era casado com sua atual mulher, Melania.

Michael Cohen, advogado pessoal do presidente e investigado pelo FBI, admitiu ter feito o pagamento à atriz pouco antes das eleições de 2016.

A princípio, o presidente negou qualquer relacionamento com a atriz e ter conhecimento do pagamento, embora recentemente tenha revelado formalmente o reembolso de mais de US$ 100 mil dólares a Cohen no ano passado, um fato aparentemente relacionado com esse caso.

A atriz pornô também lançou nesta quarta-feira uma linha de roupas na loja ChiChiLaRue’s, nomeada em homenagem ao diretor pornô e ícone drag no mesmo local onde será homenageada. / AFP