Homem devolve bilhete da loteria de US$ 1 milhão nos EUA
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Homem devolve bilhete da loteria de US$ 1 milhão nos EUA

Comerciante disse não ter se arrependido de devolver ao cliente o bilhete premiado que havia sido deixado em sua loja de conveniência na cidade de Salina, no Kansas

Redação Internacional

07 Junho 2018 | 15h17

SALINA, EUA – Um comerciante do Kansas, nos EUA, devolveu um bilhete premiado da loteria no valor de US$ 1 milhão que um cliente seu havia deixado em sua loja. Ele disse não ter se arrependido de abrir mão de tanto dinheiro.

Kal Patel, americano de origem indiana cujos pais são donos de uma loja de conveniência Pit Stop em Salina, devolveu o bilhete ao cliente de longa data da loja após procurar e segui-lo de carro. “Coisas boas voltam para ajudar você, e coisas ruins voltam para perseguir você”, disse ele esta semana. “Me senti bem encontrando o bilhete e seu dono.”

O ganhador, que preferiu não revelar seu nome, comprou três bilhetes em uma loja perto de Lincoln, mas decidiu parar na loja de conveniência de Kal, que fica na sua vizinhança, para conferir os números. O balconista checou dois bilhetes e o ganhador acidentalmente deixou o terceiro no balcão, segundo reportagem do Salina Journal.

Quando o balconista Andy Patel conferiu os números do terceiro bilhete e descobriu que ele valia US$ 1 milhão, ligou para Kal Patel. “Ele disse que os seis números (da loteria) haviam aparecido na tela (do sorteio)”, disse Kal, que apesar do sobrenome não tem parentesco com Andy. “Não conseguíamos acreditar.”

+ Francês ganha € 1 milhão na loteria pela segunda vez em apenas 18 meses

Kal Patel conhecia o cliente pela descrição de Andy e sabia em qual área ele vivia. Ele saiu dirigindo pela região vizinha, mas não conseguiu encontrar a casa do homem. Ele retornou à loja e mais tarde decidiu fazer uma nova tentativa. Dessa vez, ele viu o homem e seu irmão passando de carro e conseguiu pará-los.

“Eu mostrei a eles o bilhete e disse que eles haviam ganhado”, disse. “Eles começaram a tremer e não conseguiam acreditar naquilo.”

Agora, Kal Patel precisa aguentar os amigos zombando dele por ter aberto mão de US$ 1 milhão, mas ele disses que não conseguiria viver com a culpa de ter ficado com aquele dinheiro.

“Me senti bem entregando a eles”, disse.”E os elogios que recebemos de todos por ter feito isso é realmente muito bom. Eles dizem ter restaurado sua fé na humanidade.”

O canal KWCH noticiou que o escritório de advocacia DeVaughn James Injury Lawyers, da cidade de Whichita, presenteou Kal com um cheque de US$ 1.200 pela boa ação. / W. POST

Veja a reportagem do Salina Journal no Youtube (em inglês)