Ukwaluga – ritual de circuncisão

Em Qunu, dezenas de homens e de mulheres se reuniram no dia 12/06 para celebrar o ukwaluga - ritual de circuncisão a que foram submetidos dois rapazes de 19 anos. Depois da circuncisão, eles foram para um barraco de 2 metros por 1,5 feito com telhas de zinco especialmente para eles num campo do outro lado da estrada, onde ficarão quatro semanas isolados, vestidos apenas com mantas e untados com areia e filtro solar, deixando sua pele embranquecida, para protegê-los de feitiços. As únicas mulheres com as quais podem ter contato são suas irmãs. Durante esse período, o homem que realizou a operação não pode ter relações sexuais. Passado o mês, o barraco será derrubado e os rapazes voltarão para o curral onde os homens se reuniram no dia da circuncisão, e receberão instruções sobre como devem se portar.O usual é que se casem em seguida. Depois do ritual, os homens entoaram a Somagwaza, canção que pede aos ancestrais que os rapazes sejam férteis e tenham o primeiro filho homem, de modo a levar adiante o nome do clã. As mulheres, reunidas noutro curral, repartiram pedaços de carne de carneiro assada na brasa, umgqusho (prato de milho branco com feijão) e abóbora, comidas tradicionais dos cossas, misturadas com alimentos ocidentais, como molho de maionese e tomate, repolho e batata. E beberam cerveja artesanal, de milho fermentado durante três dias. Leia matéria.Texto: Lourival Sant’AnnaFotos: Evelson de Freitas

Estadão

27 de junho de 2010 | 19h14

Em Qunu, jovens são submetidos à ritual de circuncisão, o ukwaluga. Foto: Evelson de Freitas/AE

Em Qunu, jovens são submetidos à ritual de circuncisão, o ukwaluga. Foto: Evelson de Freitas/AE

Parentes e amigos de dois jovens de 18 anos, iniciam ritual para comemorar a circuncisão deles. Vila de Qunu, Cidade de Mthatha, província de Eastern Cape. 12/06/10. Foto: Evelson de Freitas/AE

Parentes e amigos de dois jovens de 18 anos, iniciam ritual para comemorar a circuncisão deles. Vila de Qunu, Cidade de Mthatha, província de Eastern Cape. 12/06/10. Foto: Evelson de Freitas/AE

Depois de comer, as mulheres conversam e cantam. 12/06/10. Foto: Evelson de Freitas/AE

Depois de comer, as mulheres conversam e cantam. 12/06/10. Foto: Evelson de Freitas/AE

Juntas, num pequeno cômodo, elas terminam de preparar o umgqusho (prato de milho branco com feijão) e abóbora, comidas tradicionais dos cossas. 12/06/10. Foto: Evelson de Freitas/AE

Juntas, num pequeno cômodo, elas terminam de preparar o umgqusho (prato de milho branco com feijão) e abóbora, comidas tradicionais dos cossas. 12/06/10. Foto: Evelson de Freitas/AE

Vila de Qunu, Cidade de Mthatha, província de Eastern Cape. 12/06/10. Foto: Evelson de Freitas/AE

Vila de Qunu, Cidade de Mthatha, província de Eastern Cape. 12/06/10. Foto: Evelson de Freitas/AE

Os homens ficam reunidos em outro curral comendo, primeiramente, a carne de carneiro assado. 12/06/10. Foto: Evelson de Freitas/AE

Os homens ficam reunidos em outro curral comendo, primeiramente, a carne de carneiro assado. 12/06/10. Foto: Evelson de Freitas/AE

Sempre juntos, eles comem e depois limpam as mãos no couro do animal que foi abatido. 12/06/10. Foto: Evelson de Freitas/AE

Sempre juntos, eles comem e depois limpam as mãos no couro do animal que foi abatido. 12/06/10. Foto: Evelson de Freitas/AE

Todos se confraternizam cantando e conversando durante a festa. 12/06/10. Foto: Evelson de Freitas/AE

Todos se confraternizam cantando e conversando durante a festa. 12/06/10. Foto: Evelson de Freitas/AE

Depois do carneiro aguradam para comer o umgqusho (prato de milho branco com feijão e abóbora) 12/06/10. Foto: Evelson de Freitas/AE

Depois do carneiro aguradam para comer o umgqusho (prato de milho branco com feijão e abóbora) 12/06/10. Foto: Evelson de Freitas/AE

As mulheres não podem se misturar aos homens durante a festa. 12/06/10. Foto: Evelson de Freitas/AE

As mulheres não podem se misturar aos homens durante a festa. 12/06/10. Foto: Evelson de Freitas/AE

De mão em mão, todos se servem e terminam de comer. 12/06/10. Foto: Evelson de Freitas/AE

De mão em mão, todos se servem e terminam de comer. 12/06/10. Foto: Evelson de Freitas/AE

Sempre reunidos, eles comem e conversam alegremente. 12/06/10. Foto: Evelson de Freitas/AE

Sempre reunidos, eles comem e conversam alegremente. 12/06/10. Foto: Evelson de Freitas/AE

Depois bebem cerveja artesanal de milho fermentado enquanto entoam a Somagwaza, canção que pede aos ancestrais que os rapazes sejam férteis e tenham o primeiro filho homem, de modo a levar adiante o nome do clã. 12/06/10. Foto: Evelson de Freitas/AE

Depois bebem cerveja artesanal de milho fermentado enquanto entoam a Somagwaza, canção que pede aos ancestrais que os rapazes sejam férteis e tenham o primeiro filho homem, de modo a levar adiante o nome do clã. 12/06/10. Foto: Evelson de Freitas/AE

Depois de terminar de preparar a comida as mulheres tambem cantam. 12/06/10. Foto: Evelson de Freitas/AE

Depois de terminar de preparar a comida as mulheres tambem cantam. 12/06/10. Foto: Evelson de Freitas/AE

Durante todo esse tempo, somente as irmãs deles e os homens podem ir ate o barraco. 13/06/10. Evelson de Freitas/AE

Durante todo esse tempo, somente as irmãs deles e os homens podem ir ate o barraco. 13/06/10. Evelson de Freitas/AE

Os rapazes circuncisados ficam em um barraco de 2 metros por 1,5 feito com telhas de zinco feito especialmente para eles num campo do outro lado da estrada, onde ficarão quatro semanas isolados, vestidos apenas com mantas e untados com areia e filtro solar, deixando sua pele embranquecida, para protegê-los de feitiços. 13/06/10. Evelson de Freitas/AE

Os rapazes circuncisados ficam em um barraco de 2 metros por 1,5 feito com telhas de zinco feito especialmente para eles num campo do outro lado da estrada, onde ficarão quatro semanas isolados, vestidos apenas com mantas e untados com areia e filtro solar, deixando sua pele embranquecida, para protegê-los de feitiços. 13/06/10. Evelson de Freitas/AE

Eles só podem sair para fazer as necessidades e sempre acompanhados por homems. 13/06/10 FOTO. Evelson de Freitas/AE

Eles só podem sair para fazer as necessidades e sempre acompanhados por homems. 13/06/10 FOTO. Evelson de Freitas/AE

Os jovens circuncisados ficam vestidos apenas com mantas e untados com areia e filtro solar, deixando sua pele embranquecida, para protegê-los de feitiços. 13/06/10. Evelson de Freitas/AE

Os jovens circuncisados ficam vestidos apenas com mantas e untados com areia e filtro solar, deixando sua pele embranquecida, para protegê-los de feitiços. 13/06/10. Evelson de Freitas/AE

Eles ficam no barraco de zinco por um mês, isolados. 13/06/10. Evelson de Freitas/AE

Eles ficam no barraco de zinco por um mês, isolados. 13/06/10. Evelson de Freitas/AE

Tudo o que sabemos sobre:

África do Sulcircuncisão

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: