As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Casa de Bin Laden no Paquistão ‘imita’ mapa de Israel

Patrícia Ferreira

13 de maio de 2011 | 12h43

Morte de Osama bin Laden

Em meio a tantas notícias sobre a morte de Osama bin Laden estão brotando diversas notas curiosas e algumas teorias conspiratórias. Alguns questionam se o líder da Al-Qaeda está de fato morto. Outros espalham fotos que seriam do cadáver de Bin Laden, mesmo sabendo que a Casa Branca decidiu não divulgá-las publicamente ainda. Houve o jornal que “tirou” Hillary Clinton da famosa foto da equipe de segurança nacional de Obama assistindo à operação ao vivo.

Nesta semana apareceu uma nova e inusitada teoria conspiratória, que associa o desenho do terreno em que fica a mansão de Bin Laden em Abbottabad, no Paquistão ao formato do mapa do Estado de Israel. Vai mais longe: mostra que o local escolhido para a casa dentro do terreno fica no correspondente no mapa a Jerusalém, cidade sagrada para judeus e muçulmanos e um dos pontos nervosos do conflito entre palestinos e israelenses.

Vamos às imagens.

De acordo com a teoria do JSS, site produzido por Jonathan-Simon Sellem, jornalista francês que vive em Jerusalém, o desenho do terreno de Bin Laden imitaria o formato do mapa de Israel em detalhes.

mapa IsraelO mapa de Israel e o terreno da casa de Bin Laden:
semelhança ou conspiração? (Arte/estadão.com.br)

blank

Repare, na imagem ao lado, no trecho que “deixa de fora” o que seria a Faixa de Gaza nos muros altos do terreno de Bin Laden. Coincidência?

A tese de Sellem – que escreveu no blog “Scoop”, do JSS, um post com o sugestivo título “Bin Laden construiu sua casa em território israelense” – vai adiante.

Segundo ele, ao “girar um pouco” a imagem de satélite divulgada pela Casa Branca com a planta do terreno, “você pode ver perfeitamente que as ‘fronteiras’ do terreno de Bin Laden no Paquistão são semelhantes às de Israel”.

O jornalista ainda chama atenção para o fato de que, em um dos lados, a parede se estende em uma linha reta. No lado oposto, trata-se de uma curva, que acompanha a estrada de terra ao lado do terreno. Para Sellem, contudo, o traçado curvilíneo se parece ao do litoral mediterrâneo de Israel.

2011_05_04T175953Z_01_AAL111_RTRMDNP_3_BINLADEN.JPG
Os muros do terreno em Abbottabad e a casa, no centro: repare no traçado curvilíneo à direita

Como se não fosse suficiente, ele ainda sugere que a posição da casa de três andares que serviu de abrigo para o terrorista mais procurado do mundo não foi escolhida à toa. Segundo ele, a fortaleza e última casa de Bin Laden teria sido posicionada bem no centro do “mapa”, onde fica Jerusalém.

Suflê e duas palavras

Detalhes como esses nem sempre são revelados. Mas a Reuters conta nesta sexta-feira, 13, que o ex-presidente americano George W. Bush comia suflê quando soube da notícia da morte de Bin Laden. Bush, que assumiu meses antes do Onze de Setembro, passou o primeiro e o segundo mandatos caçando o terrorista, sem sucesso.

Em um evento com gestores de fundos, Bush teria relatado o momento em que recebeu uma ligação do sucessor, Barack Obama. Segundo o ex-presidente, ele estava comendo suflês em um restaurante de Dallas, no Texas, com a esposa, Laura Bush, e dois amigos.

Foi então avisado que Obama o estava procurando: “Eu pedi licença e fui para casa para atender a ligação. Obama disse simplesmente ‘Osama Bin Laden está morto'”, relatou, segundo um colaborador do canal ABC mencionado pela Reuters. Depois de ouvir os detalhes da operação dos Seals, Bush respondeu com apenas duas palavras: “Good call“.

Tendências: