As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Clube de futebol boliviano inscreve Evo como jogador profissional

Redação Internacional

16 Maio 2014 | 12h16

O Ministério das Comunicações da Bolívia informou nesta sexta-feira, 16, que o clube da primeira divisão do campeonato boliviano Sport Boys inscreveu o presidente Evo Morales como jogador profissional. Em uma foto publicada no Twitter do ministério, Evo aparece jogando futebol com o logo do clube ao lado.

O presidente é um dos três reforços anunciados pelo clube para a próxima temporada. Os outros dois são Cristian Fabiani e Hugo Bargas. A partir de agosto, Evo vestirá a camisa 10, atualmente usada por Thiago Leitão.

“Estamos esperando que a Liga nos envie o novo formulário para inscrevê-lo”, afirmou o presidente do clube, Mario Cronenbold, de acordo com o jornal El Deber. Em entrevista que será publicada na próxima semana na revista 12 Sos Vos, Cronenbold disse já ter a documentação necessária para inscrever Evo para a temporada 2014-2015.

O presidente boliviano tem um registro na Associação de Futebol de La Paz (AFLP) então o Sport Boys precisa pedir a transferência da associação para a liga profissional. “Precisamos apenas da carteira de identidade e os dados de seus pais”, afirmou Cronenbold.

O presidente da AFLP, Wálter Torrico, explicou que Evo jogou no clube Litoral, por isso o Sport Boys precisa pedir a transferência. “É uma questão de formalidade pedir a transferência y lhes custará (ao clube) entre US$100 e US$200 para que o Sport Boys o habilite.”

Cronenbold disse, segundo o El Deber, que a intenção de “contratar” Evo é cumprir o desejo do presidente, um fanático por futebol, mas reconhece que a ideia é também ser o centro das atenções da mídia. “Será histórico que o presidente em exercício de um país jogue profissionalmente.”

O presidente do clube elogiou Evo, que em 2008 jogou pelo Litoral na vitória contra o Municipal por 4 a 1, em um torneio local. “Ele toca bem a bola e tem um bom chute. Além disso, não é para ele jogar os 90 minutos, basta jogar 20”, disse Cronenbold.

Assista a um vídeo de Evo jogando uma partida de futebol em El Salvador em 2008:

Mais conteúdo sobre:

BolíviaEvo MoralesSport Boys