As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Cenas da República Democrática do Congo

Redação Internacional

20 de outubro de 2013 | 07h01

A partir deste domingo, 20, o Estado traz uma série de reportagens sobre a República Democrática do Congo. Serão abordados os temas das crianças que se tornam soldados, a vida das mulheres no país e a situação dos refugiados no país.

Veja alguns vídeos sobre a situação atual no país:

– A Missão de Estabilização da ONU na República Democrática do Congo (Monusco), liderada pelo general brasileiro Carlos Alberto dos Santos Cruz, ameaçou, em agosto deste ano, usar a força pela primeira vez contra os combatentes do movimento M23.

A milícia recebeu a ordem de entregar seu armamento no prazo de 48 horas. O grupo atua na região de Goma, no leste do país, na fronteira com Ruanda e Uganda.

Vídeo, em inglês, mostra anúncio de Cruz:

 

– No dia 16 de setembro deste ano, a freira congolesa Angélique Namaika venceu o Prêmio Nansen,  considerado o mais elevado tributo a defensores dos direitos humanos. Assim, o Alto-Comissariado das Nações Unidas para Refugiados (Acnur) chamou a atenção para o conflito na República Democrática do Congo (RDC).

O trabalho de Namaika no Congo:

 

– O extremismo cristão faz vítimas na África há mais de 30 anos. A violência do Exército de Resistência do Senhor (LRA, na sigla em inglês) atinge as populações de quatro países da África Central, onde 440 mil pessoas se viram forçadas a deixar suas casas e cidades neste ano. O grupo atua na República Democrática do Congo (RDC), em Uganda, no Sudão do Sul e na República Centro-Africana.

Em vídeo publicado pelo ‘The Guardian’, moradores do Congo contam como foram atingidos pelo terror provocado pelo LRA:

Tudo o que sabemos sobre:

ÁfricaCongoguerra no Congo

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.