As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Em vídeo divulgado após prisão, López pede manifestações sem violência

Redação Internacional

19 de fevereiro de 2014 | 12h16

O líder opositor venezuelano Leopoldo López, que se entregou e foi preso terça-feira 18 durante uma marcha que havia convocado em Caracas, deixou gravado um vídeo pedindo que as manifestações continuem sem violência.  A mensagem foi divulgada nesta quarta-feira, 19.

López começa dizendo que se as pessoas estão assistindo ao vídeo é porque já está preso e pede que todos continuem lutando para mudar o país. “A Venezuela precisa mais do que nunca que cada um de nós assuma o compromisso de mudar”.

O opositor ressalta a importância das manifestações feitas pela oposição, mas afirma que os protestos devem continuar sem violência. “Apelo novamente, como fizemos na manifestação de 12 de fevereiro, à não violência, por muitas razões. Primeiro porque a violência é a ferramente de quem não tem a razão.”

Assista ao vídeo, em espanhol:

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.