As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Estado mexicano muda leis para proibir Uber

Em protesto na semana passada, taxistas da Cidade do México destruíram cinco carros que prestavam serviço pelo aplicativo; assista ao vídeo

Redação Internacional

04 de agosto de 2015 | 13h58

O Parlamento regional do Estado mexicano de Quintana Roo alterou dois artigos do código estadual de trânsito para proibir serviços de táxi oferecidos por empresas como o Uber. Com as alterações definidas pelos legisladores, fica proibida a prestação de “serviços de transporte de passageiros por particulares sem autorização expressa do Poder Executivo”.

Taxistas de Quintana Roo se juntaram aos protestos de taxistas contra aplicativos com o Uber e o Cabify – as manifestações têm ocorrido em diversas cidades do mundo, incluindo algumas capitais brasileiras. Há seis dias, taxistas da capital mexicana, Cidade do México, vandalizaram cinco carros de motoristas que prestavam serviço para o Uber. A ação foi filmada e publicada pelo jornal mexicano La  Jornada. Os atos de vandalismo ocorreram perto do aeroporto internacional da cidade. Assista ao vídeo:

Tudo o que sabemos sobre:

MéxicoUber