As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Femen protesta contra Estado Islâmico na França

Ativistas da sucursal francesado Femen, grupo feminista de protesto criado na Ucrânia em 2008, foram às ruas de Paris contra a escalada de violência do grupo radical

Redação Internacional

24 de setembro de 2014 | 16h07

Ativistas da sucursal francesado Femen, grupo feminista de protesto criado na Ucrânia em 2008, foram às ruas de Paris nesta quarta, 23, para protestar contra a escalada de violência do Estado Islâmico, organização islamista radical que conquistou e controla grandes porções dos territórios da Síria e do Iraque, onde proclamou um califado.

Como é comum nas manifestações do Femen, as ativistas estavam com os seios nus, usavam o keffiyeh (turbante), carregavam bandeiras com a inscrição “Infiéis, uni-vos”  e carregavam armas de brinquedo com as quais “ameaçavam” os observadores.

Ao chegar no Arco do Triunfo, uma das ativistas fez um discurso para uma pequena multidão reunida no ponto turístico: “Aos cidadãos da França, Estados Unidos e todos ameaçados pela jihad do EI. Impeçam os que querem ferir suas irmãs”. A manifestante continuou, dizendo que a melhor coisa a fazer é “não acreditar” nas ideias dos extremistas. “Cometa apostasia (abandono e negação de fé), mostre descrença ao EI.” Em seguida, fugiram do local.