As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

FOTO DO DIA: Às vésperas do aniversário de 90 anos do Partido Comunista chinês, funcionários instalam logo na praça de 1989

Patrícia Ferreira

27 de junho de 2011 | 17h07

pcch.jpg

Um gigante aos 90. Funcionários instalam o símbolo do Partido Comunista chinês na praça Tiananmen (Praça da Paz Celestial), palco do massacre de 1989, em Pequim, às vésperas do aniversário de 90 anos da legenda. O PC chinês domina há 60 anos o país, o mais populoso e terceiro em extensão territorial.

Veja também:
blog O Tao da China, blog de Claudia Trevisan
forum Siga a correspondente no Twitter

Como relata, de Pequim, a correspondente Claudia Trevisan, o partido chega aos 90 no dia 1º em meio à maior onda repressiva desde 1989 e no comando de uma ofensiva de resgate de símbolos maoístas que mergulhou o país em um “mar vermelho”.

Em se tratando de repressão, o país libertou o segundo dissidente em menos de uma semana – e, como no caso de Ai Weiwei na semana passada, o ativista Hu Jia também foi silenciado: está proibido de dar entrevistas ou escrever na web durante um ano.

Embora tenha feito reformas que transformaram a China na segunda maior economia do mundo e retiraram 400 milhões de pessoas da miséria, o PC chinês não dá sinais de abertura para outras legendas. “Ao contrário”, escreve Claudia.

mais imagens Seleção de imagens: Natália Russo, da editoria de Fotografia do estadão.com.br. Visite também o blog Olhar sobre o mundo e a página de fotos do portal.

Siga o @inter_estadão, o Twitter da editoria de internacional do estadão.com.br

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.