As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

FOTO DO DIA: Três dos quase 44 milhões de refugiados no mundo

Patrícia Ferreira

20 de junho de 2011 | 18h15

2011_06_20_fdd_Gemunu_Amarasinghe_ap_afeganistao.jpg

O dia de 44 milhões. No dia do refugiado, relembrado globalmente nesta segunda-feira, 20, o Alto Comissariado das Nações Unidas para os Refugiados (Acnur) divulgou um relatório que revela dados desanimadores. O número de pessoas deslocadas no mundo aumentou ao longo do último ano. Em dezembro de 2010 eram 43,7 milhões de pessoas, número maior que os 43,3 milhões de um ano antes.

Veja também:
mais imagensGALERIA DE FOTOS: Refugiados, por Natália Russo

Mais desanimador é o dado sobre o deslocamento dessa multidão de refugiados. Segundo o relatório, 80% estão em países em desenvolvimento, em geral vizinhos imediatos das nações de origem. É o caso do Paquistão, que abriga o maior número de refugiados no mundo: 1,9 milhão de pessoas. A maioria deles vem do vizinho Afeganistão. Logo depois do Paquistão vêm Irã e Síria na lista de países com o maior número de pessoas nessas condições. Juntos, eles têm cerca de 2,1 milhões de refugiados.

O Afeganistão é o país de origem do maior número de refugiados, segundo a Acnur. É o caso das menininhas da imagem, que encaram o fotógrafo Gemunu Amarasinghe, da AP, hoje, enquanto um homem mais velho descansa na sombra em um campo de refugiados na capital Cabul.

Como iniciativa no dia dessas menininhas e de outros quase 44 milhões, a Acnur pediu que se acelere a busca de iniciativas para que cada um deles possa voltar para casa.

mais imagens Seleção de imagens: Natália Russo, da editoria de Fotografia do Estadão.com.br. Visite também o blog Olhar sobre o mundo e a página de fotos do portal.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.