As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

‘Fui ao futuro, voltei e está tudo bem’, afirma Maduro para acalmar venezuelanos; assista

Presidente da Venezuela discursou em evento com militares; nenhum dos presentes tomou a fala como uma piada

Redação Internacional

18 de janeiro de 2019 | 12h32

CARACAS – “Eu já fui ao futuro, voltei e vi que tudo está bem e a união cívico-militar garante a paz e a felicidade ao nosso povo. Tenham certeza”. Essas foram as palavras do presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, na segunda-feira 14 durante os preparativos de um evento militar, se referindo ao projeto de seu governo chavista para o país. Nenhum dos presentes interpretou a fala na hora como piada.

Maduro, que neste ano tomou posse do seu segundo mandato na presidência, aproveitou a ocasião para assegurar aos venezuelanos de que todos sairão mais fortes e mais sábios “de toda esta conjuntura”. Ele se refere à grave crise econômica e da grande escassez que estão sobre a Venezuela, motivos que levam países e organizações internacionais a pedirem que ele renuncie e convoque novas eleições no país. “Um punhado de imaturos não podem danificar a vida republicana da Venezuela”, afirmou Maduro.

Em meio à campanha fugaz que o levou à presidência após a morte de Chávez por câncer em 2013, Maduro disse que seu antecessor e mentor político havia aparecido em forma de “passarinho pequenino” e o abençoou. Rapidamente, a história se tornou viral.

Nicolás Maduro, presidente da Venezuela (EFE/Miguel Gutierrez)

Nicolás Maduro, presidente da Venezuela (EFE/Miguel Gutierrez)

Tendências: