George Clooney vai depor pela defesa de Berlusconi no ‘caso Ruby’
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

George Clooney vai depor pela defesa de Berlusconi no ‘caso Ruby’

João Coscelli

29 de março de 2011 | 16h37

Silvio Berlusconi, primeiro-ministro da Itália, finalmente compareceu à corte nesta semana pela primeira vez em oito anos. O premiê depôs no processo de fraude fiscal envolvendo sua empresa de comunicação, a Mediaset.

Berlusconi, porém, enfrenta outros processos. O mais famoso dele, no qual é acusado de ter feito sexo com uma menor, tem uma audiência marcada para o dia 6 de abril. Nada de surpreendente, considerando o histórico de escândalos sexuais nos quais o premiê se envolve.

O inusitado está em uma das testemunhas de defesa do líder italiano – o ator americano George Clooney. O artista teria comparecido a uma das festas do primeiro-ministro nas quais estava Ruby, a marroquina então menor de idade que teria feito sexo com Berlusconi. A atriz italiana Elisabetta Canalis, namorada de Clooney, também teria ido à festa.

Além dos dois, outros artistas, jornalistas e até ministros do governo foram convocados para dar depoimento pela defesa do premiê. Berlusconi nega as acusações e diz que suas festas eram apenas “jantares”.

Reuters

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.