As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Lista de melhores livros do ‘NYT’ traz títulos sobre geopolítica

São dez indicações ao todo, cinco de ficção e outras cinco de não-ficção

Redação Internacional

04 de dezembro de 2014 | 21h19

A tradicional lista dos melhores livros do ano segundo os críticos literários do jornal The New York Times traz pelo menos dois títulos importantes para quem gosta de geopolítica. São dez indicações ao todo, cinco de ficção e outras cinco de não-ficção.

Entre os livros de ficção, está citado Redeployment (The Penguin Press), de Phil Klay, uma coleção de contos que mostra a visão de jovens soldados americanos em serviço no Iraque. Segundo o jornal americano, Klay não faz ficção pura: antes de se tornar escritor, ele serviu em Bagdá como fuzileiro naval.

Entre os livros de não-ficção, Thirteen Days in September: Carter, Begin, and Sadat at Camp David (Alfred A. Knopf), de Lawrence Wright, reconstitui passo a passo como foi a cúpula de paz mais famosa entre árabes e israelenses, em 1978. Wright tem outros livros publicados no Brasil pela editora Companhia das Letras: O Vulto das Torres, sobre a Al-Qaeda e o 11 de Setembro, e A Prisão da Fé, sobre a religião das celebridades de Hollywood, cientologia.

FICÇÃO

ALL THE LIGHT WE CANNOT SEE (Scribner), de Anthony Doerr

DEPT. OF SPECULATION (Alfred A. Knopf), de Jenny Offill

EUPHORIA (Atlantic Monthly Press), de Lily King

FAMILY LIFE (W. W. Norton & Company), de Akhil Sharma

REDEPLOYMENT (The Penguin Press), de Phil Klay
NÃO-FICÇÃO

CAN’T WE TALK ABOUT SOMETHING MORE PLEASANT? (Bloomsbury), de Roz Chast

ON IMMUNITY: An Inoculation (Graywolf Press), de Eula Biss

PENELOPE FITZGERALD: A Life (Alfred A. Knopf), de Hermione Lee

THE SIXTH EXTINCTION: An Unnatural History (Henry Holt & Company), de Elizabeth Kolbert

THIRTEEN DAYS IN SEPTEMBER: Carter, Begin, and Sadat at Camp David (Alfred A. Knopf), de Lawrence Wright