As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Miss Tailândia renuncia após defender morte de manifestantes

Estou tão brava com esses ativistas malvados. Todos deviam ser executados, disse Weluree Ditsayabut, de 22 anos

Redação Internacional

09 de junho de 2014 | 11h36

 

misstailandia_reuters.JPG

Foto:  Reuters

BANGCOC – A miss Tailândia Universo renunciou a sua coroa depois de fazer duras críticas em redes sociais a partidários do governo deposto da Tailândia. Weluree Ditsayabut, de 22 anos, foi coroada miss no mês passado.

“Estou tão brava com esses ativistas malvados”, escreveu a miss em sua conta no Twitter. “Todos deviam ser executados.”

Chorando, ela lamentou à imprensa estar sob muita pressão. “Decidi renunciar ao meu status como Miss Tailândia Universo”

Ela deve ser substituída pela segunda colocada no concurso, Pimbongkod Chankaew. / REUTERS

Mais conteúdo sobre:

Tailândia