Mockus e o milagre da multiplicação de votos
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Mockus e o milagre da multiplicação de votos

Paula Carvalho

19 de junho de 2010 | 12h00

Foto: El Espectador

Foto: El Espectador

O candidato opositor à presidência colombiana, Antanas Mockus, do Partido Verde, adotou um método parecido a uma “corrente do bem” para pedir votos aos seus partidários na eleição deste domingo.

Em propagandas eleitorais transmitidas pela TV, a equipe de Mockus pede que cada pessoa que votou nele no primeiro turno, em 30 de maio, convença três amigos a votarem no candidato no segundo turno, tornando assim os 3 milhões de votos que ele obteve em 9 milhões.

No domingo passado, quando encerrou sua campanha, Mockus saiu pelas ruas de Bogotá, batendo de porta em porta, atrás de apoio para o segundo turno. “Tocando portas poderemos chegar aos cidadãos que inicialmente não votaram para nós ou simplesmente se abstiveram de fazê-lo”, disse o candidato à imprensa colombiana.

Tudo o que sabemos sobre:

Colômbiaeleições

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.